Tem como estudar para prova em véspera do Exame?

Cada vez mais a contagem regressiva aparece na vida dos candidatos ao Enem, e a mesma coisa acontece com a ansiedade. A prova se aproxima, e é a hora de aliviar o próprio rendimento durante o ano todo, reconhecendo assim suas fraquezas, bem como qualidades do plano de estudos. Fechar os estudos é algo sugerido por especialistas como uma forma interessante de se sentir seguro e manter a calma.

Quanto mais preparado, maiores serão as chances de encarar o exame que ocorre no dia 05/11 com toda a tranquilidade necessária.

Estudar para o enem 2019

Fique atento para as dicas dos especialistas

A dica dos estudantes que estão se preparando para o processo é procurar manter a rotina de exercícios até a última semana antes da prova. Este será o momento de revisar os tópicos que são considerados mais importantes e cobrados no Enem.

É interessante não aumentar e nem diminuir o ritmo de estudos. Procure apenas estudar como vem estudando, e dê foco para as edições antigas, refazendo questões e revisando matérias que são consideradas mais importantes para o Enem. A partir disto, você irá estar bem satisfeito com tudo o que foi estudado, e irá continuar normalmente de forma mais tranquila. Relaxe alguns dias antes do exame para não ter problemas.

Leve em conta que o aprendizado ao longo do ano já foi absorvido. É fato que o grande desespero de tentar correr atrás dos atrasos no conteúdo, a esta altura não é uma ideia muito assertiva. Em contrapartida, os educadores acabam visualizando a possibilidade de amenizar situações para quem não estudou muito durante o ano todo, como por exemplo praticar redações e também refazer provas.

A quantidade não é qualidade, e por este motivo quem estuda meia hora poderá ter o mesmo desempenho de quem gasta horas seguidas nos estudos. Pensar bem no que podia ter sido feito também não adianta pois o tempo já passou e está próximo das provas, para quem não tiver como estudar durante o não poderá assistir aulas de revisão, bem como capitar os mais importantes conceitos e filtrar assuntos considerados mais importantes e cobrados pelo Enem, é a dica que professores de cursinhos dão aos seus alunos.

A maior estratégia de refazer provas nas últimas semanas deverá servir até mesmo para que se possa revisitar os temas onde o candidato não tem tanta intimidade. A partir disto, para o professor, é interessante que o estudante possa contar com um resultado interessante e consistente em todas as áreas de conhecimento solicitada pelo processo.

Estude usando provas antigas

Ao optar pelas provas mais antigas, vale a pena estudar de forma pontual alguns tópicos que não foram bem resolvidos pelo aluno. Este processo fortalece a pontuação de forma geral, além disto, revistar as matérias onde a pessoa tiver dificuldades poderá deixar as notas mais homogêneas. A partir disto, é melhor ter um desempenho de forma média em diversas disciplinas do que ir bem em somente uma das disciplinas.

Tenha o cuidado para não perder a autoconfiança ao estudar temas que são complicados para os candidatos.

Especialistas apontam que ao perceber que muitas novas dúvidas surgindo na reta final para a prova poderão afetar o rendimento dos alunos, o que faz com que os estudantes possam acreditar menos em sua própria capacidade de resolver diversos tipos de questões do Enem.

Mas ao mesmo temo é a hora de revisar os conteúdos com provas anteriores, este tipo de método deixa a pessoa mais confiante para se preparar no dia do Enem.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...